Segunda, 20 de Maio de 2019
violência
Ex do companheiro e pai são suspeitos de mandar matar professora em Juazeiro
Imagem: Reprodução
Publicado em 11/03/2019

A professora que foi morta a tiros dentro de um carro na cidade de Juazeiro, no norte da Bahia, foi vítima de execução. Segundo informações da delegada que investiga o caso, Lígia Nunes, nesta segunda-feira (11), os principais suspeitos de serem os mandantes do crime são a ex do companheiro dela e o pai da suspeita.

De acordo com a polícia, Élida Márcia de Oliveira, de 32 anos foi morta com cerca de cinco tiros no momento em que estava dentro do carro com o atual companheiro dela e a filha do casal, de 2 anos. O homem chegou a se ferir com os estilhaços do vidro do veículo.

O pai da suspeita foi detido no domingo (10), a ex-companheira do marido da vítima, no entanto, ainda não possui mandado de prisão, apesar da suspeita. O homem acusado de ter dirigido a motocicleta que transportava o atirador também foi detido. Ele e o pai da suspeita estão cumprindo prisão temporária e devem passar por audiência de custódia. O suspeito de disparar os tiros está foragido.

Ainda conforme a delegada, o marido de Élida, Lázaro, e a ex tinham terminado o relacionamento em outubro do ano passado, no entanto, ela não se conformava com o término.

Por: Varela Notícias
Comentários
veja também
Rede News Online 2011 - 2019 © Todos os direitos reservados - 1 usuários online - Páginas visitadas hoje: 0