Segunda, 20 de Maio de 2019
Cidade
Homem é encontrado morto em Acajutiba sem sinais de violência
Imagem: Reprodução
Publicado em 08/05/2019

Um homem, foi encontrado morto na tarde desta quarta-feira (08/05), em uma propriedade rural na localidade do Saco do Rocha em Acajutiba.

Segundo informações de moradores, José Martins de 54 anos era conhecido popularmente como Talo e atuava como árbitro de futebol amador na cidade, ainda segundo relatos o homem sofria de problemas cardíacos, sendo esta a principal suspeita da causa morte, o corpo não apresentava nenhum sinal de violência.

O corpo de José Martins será enterrado às 9h, desta quinta-feira (09/05) no cemitério de Acajutiba.

Caso semelhante

Na manhã de terça-feira (07/09), na rua Frei Boaventura em Acajutiba. O taxista Luiz de Santana Oliveira de 69 anos foi encontrado sem sinai vitais no interior de sua residência, o corpo também não apresentava sinais de violência a morte pode ter ocorrido por causas naturais.

Estatísticas

Segundo uma publicação do site setor saúde.com, a Organização Mundial da Saúde (OMS divulgou as 10 principais causas de morte no mundo em 2015. Das 56,4 milhões de mortes registradas, mais da metade (54%) foram ocasionadas pelas 10 principais causas. A cardiopatia isquêmica (também chamada de doença arterial coronariana e acidente vascular cerebral (AVC) são as que registram os maiores números, representando 15 milhões de mortes combinadas em 2015.

A doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC) provocou 3,2 milhões de mortes em 2015, enquanto 1,7 milhão de pessoas morreram por câncer de pulmão, traqueia e brônquios. A diabetes matou 1,6 milhão de pessoas em 2015 – em 2000, a doença registrava menos de 1 milhão de óbitos. As mortes por Alzheimer e demais demências mais do que duplicaram entre 2000 e 2015, tornando-se a 7ª principal causa de mortes globais em 2015 (1,5 milhão de óbitos).

As infecções respiratórias bronquite e pneumonia continuaram sendo a doença transmissível mais mortal, causando 3,2 milhões de mortes em todo o mundo em 2015. A taxa de mortalidade por doenças diarreicas quase se reduziu para metade entre 2000 e 2015, mas ainda assim causou 1,4 milhão de óbitos em 2015. A tuberculose matou menos pessoas durante o mesmo período, mas ainda está entre as 10 principais causas de mortes (1,4 milhão de vítimas da doença). Diferente dos registros anteriores, a AIDS (doença causada pelo vírus HIV) não está mais entre as 10 principais causas de morte do mundo – registrou 1,1 milhão de mortes em 2015, em comparação com 1,5 milhão em 2000. Os acidentes no trânsito mataram 1,3 milhão de pessoas em 2015. De acordo com a OMS, 76% das vítimas são do sexo masculino.

Por: A.S.M Jornalista DRT-BA Nº 5604-Acajutiba News
Comentários
veja também
Rede News Online 2011 - 2019 © Todos os direitos reservados - 1 usuários online - Páginas visitadas hoje: 0