Segunda, 01 de Junho de 2020
Ricardo Boechat
Morte de Ricardo Boechat completa um ano nesta terça; esposa faz homenagem
Imagem: Reprodução
Publicado em 11/02/2020

Há um ano morriam o jornalista Ricardo Boechat, 66 anos, e o piloto Ronaldo Quattrucci, 56, após o helicóptero em que estavam cair no Rodoanel de São Paulo. As investigações da Aeronáutica e da Polícia Civil sobre as causas e eventuais responsabilidades pela tragédia ainda não foram concluídas.

Boechat deixou a mulher Veruska Seibel e duas filhas. Em homenagem ao marido, nesta terça-feira, 11, Veruska publicou em seu perfil do Instagram um texto, onde relembra um ano da morte do jornalista.

Em um trecho ela declara: “Um ano sem ele e minha admiração, meu respeito e meu amor só crescem. Melhor pai que eu poderia ter escolhido para as minhas filhas, ser humano mais admirável e generoso que já conheci, jornalista insubstituível, marido que eu amava profundamente”.

A Aeronáutica ainda investiga uma possível falha no motor ou no rotor do helicóptero, um Bell 206 de prefixo PT-HPG, que poderia ter levado o comandante Quattrucci a tentar um pouso de emergência entre o Rodoanel Mário Covas e a Rodovia Anhanguera, onde colidiu com um caminhão que trafegava pela via.

Boechat era apresentador do Jornal da Band e da rádio BandNews FM, além de ser colunista da revista IstoÉ. Ele foi ganhador de três prêmios Esso e trabalhou no Estado. Boechat era o recordista de vitórias no Prêmio Comunique-se, com 17 troféus, e o único a ganhar em três categorias diferentes, Âncora de Rádio, Colunista de Notícia e Âncora de TV.

Por: UOL
Comentários
veja também
Rede News Online 2011 - 2020 © Todos os direitos reservados