Segunda, 17 de Fevereiro de 2020
questionou
Uziel Bueno Critica Senra Sobre Caso De Feminicídio Envolvendo Funcionário Da TV Bahia
Imagem: Reprodução
Publicado em 11/02/2020

O apresentador questionou o motivo da TV Bahia não ter explicitado que o homem em questão era funcionário da emissora
O apresentador Uziel Bueno, do Brasil Urgente local, criticou o posicionamento de Jéssica Senra, âncora do Bahia Meio Dia, sobre o caso de tentativa de feminicídio envolvendo um funcionário da TV Subaé, afiliada da TV Bahia em Feira de Santana.

De acordo com o jornalista da Band, a apresentadora, que estreou como plantonista oficial do Jornal Nacional, estaria tratando o crime como algo normal e “relevando” a situação.

Uziel questionou o motivo de não ter explicitado que o homem em questão era funcionário da emissora, e criticou Jéssica por ter chamado os policiais militares de descendentes de capitão do mato, no episódio de agressão e racismo.

“Diante de um caso como esse, com um funcionário da Rede Bahia, olha como eles colocaram lá hoje. “Homem é preso após esfaquear a esposa em Feira de Santana”, se fosse um policial militar esfaqueando a esposa eles colocariam policial, PM. E por que hoje, TV Bahia, Jéssica Senra, entre outros, por que vocês não colocaram? Porque na visão de vocês, principalmente da Jéssica, do Bahia Meio Dia, se todo policial que faz algum delito, ou algum crime, representa todos os policiais, como ela chamou os policiais militares de descendentes de capitão do mato, então todo cinegrafista, toda pessoa que trabalha na Rede Bahia, seria um feminicida. E não é”.



Por fim, o apresentador afirmou que a situação poderia servir de lição para a emissora a respeitarem as classes.

“Isso é para a gente aprender, e principalmente para você da Globo, a respeitarem as categorias e a profissão. E deixando claro que obviamente todos os cinegrafistas na Bahia são pessoas de bem, de caráter e homens de família. Fica mais um recado aí para a Globo. Respeita a polícia militar, respeite também todos os jovens negros da periferia. Sejam menos preconceituosos, menos racistas e menos difamadores com a Polícia Militar da Bahia”, disse Uziel que ainda lembrou do caso envolvendo Rodrigo Bocardi.

A TV Subaé se pronunciou sobre o caso com a publicação de uma nota lamentando o ocorrido. O comunicado foi lido por Ricardo Ishmael durante o Jornal da Bahia e por Camila Marinho no Bahia Meio Dia. Jéssica Senra não apresentou o telejornal na última segunda (10), em seu perfil no Instagram a jornalista compartilhou a nota divulgada pela afiliada da TV Bahia.

Por: Burburinho News
Comentários
veja também
Rede News Online 2011 - 2020 © Todos os direitos reservados