Sábado, 18 de Agosto de 2018
FIQUE SABENDO
Multas do Detran poderão ser pagas com cartões de crédito de qualquer bandeira
Imagem: Reprodução
Publicado em 14/05/2018

Prestes a lançar a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) digital, o Departamento de Trânsito da Bahia (Detran-BA) acredita que essa ferramenta vá trazer maior controle e segurança para o órgão. A previsão é de que lançamento em todo o Brasil ocorra a partir de 1º de julho, de acordo com o Denatran. “Os agentes de trânsito e as instituições financeiras poderão baixar o aplicativo e verificar a autenticidade daquele documento, então dificilmente algum estelionatário vai conseguir fraudar a CNH eletrônica e nós temos um benefício para a população. A gente já previu, foi encaminhado para Assembleia Legislativa, prevendo lá que se o cidadão quiser iniciar o processo dele e o fim daquele processo de renovação ou primeira habilitação, a versão eletrônica vai custar mais barato”, explica Lúcio Gomes, diretor-geral do Detran-BA. À frente do órgão desde 2016, Gomes traz algumas novidades que devem ser implantadas ainda este ano. Uma delas é a adesão ao sistema de placas do Mercosul, que prevê um sistema de emplacamento uniforme em toda a região. Caso o Conselho Nacional de Trânsito (Contran) libere a resolução, em novembro deste ano, veículos que mudarem de propriedade, de endereço ou estejam em fase de primeiro emplacamento, já deverão usar as novas placas. Outra novidade é a possibilidade do pagamento de multas com o cartão de crédito de todas as bandeiras, mudança que deve ocorrer em, no máximo, 30 dias. Com a implantação do Sistema de Notificação Eletrônica (SNE), o condutor infrator terá ainda 40% de desconto no pagamento das multas. Em entrevista ao Bahia Notícias, Gomes abordou também o pró-vítimas, programa que oferece assistência às vítimas de acidentes de trânsito e tem sido replicado em outros Estados. Instituído há menos de um ano, o programa vai passar a aproveitar os jovens egressos do programa “Primeiro Emprego”, com apoio da Fundação Luís Eduardo Magalhães e do grupo Gerdau. “Pra que a gente possa transformar as sucatas de veículos em oportunidade de fomento da inovação e tecnologia e da preservação do meio ambiente”, explica. Ao longo da conversa, Gomes falou também sobre os demais projetos de educação no trânsito, sobre as ações para reduzir os índices de mortandade e de acidentados de trânsito na Bahia e sobre o curso de capacitação de mototaxistas.

Por: Bahia Notícias
Comentários
veja também
Rede News Online 2011 - 2018 © Todos os direitos reservados - 35 usuários online - Páginas visitadas hoje: 15675